Quando Dilma Roussef era a "Dilminha"
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Quando Dilma Roussef era a "Dilminha"

Ricardo Lombardi

12 Agosto 2008 | 07h07

Muito bom o texto de Humberto Werneck publicado no Estadão de domingo. O jornalista mineiro lembra de sua adolescência, quando freqüentava os bailes em Belo Horizonte com a turma de amigos. Uma das garotas presentes era a “Dilminha”, a hoje ministra Dilma Roussef. Um trecho: “Dizia a dona Wanda: não dance apenas com as bonitinhas, meu filho; tire também as feinhas, porque elas muitas vezes têm encantos insuspeitados. Vou me desmentir: dancei, sim, com meninas que não eram bonitinhas, sendo que algumas eram feias, e até minuciosamente feias, o que não as impedia de portar encantos escondidos, não necessariamente sob os recatados vestidos da época. A Dilminha, perdão, a ministra e presidenciável Dilma Rousseff, não era feia, justiça lhe seja feita, embora a alguns de nós, os frangotes da turma do bairro São Pedro, seu rosto, com aqueles dentinhos, sugerisse um esquilo, sim, um daqueles esquilos que a gente tinha visto nos desenhos de Walt Disney nas matinês do Cine Tupi. Nossa possível futura presidente, então simplesmente Dilminha, em seu simpático esquilismo, não era, repito, feia. Estava mais para bonitinha. Mesmo porque, lembra o meu amigo Jaime Prado Gouvêa, esquilo não é marmota, e, entre os roedores de Brasília, até que faz boa figura.”