As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

“O boom do ego”

Ricardo Lombardi

01 Outubro 2012 | 11h32

ego.jpeg

Sugestão de leitura: o texto ” O Boom do Ego“, de Michel Laub, publicado no blog da Companhia das Letras. Um trecho:

“(…) Impossível desconsiderar o impacto da Internet quando se comparam as últimas duas ou três décadas: de uma cultura quase toda visual, imersa na linguagem do cinema e da TV, foi-se para um tempo em que se gasta o dia lendo e escrevendo. Uma prática com desdobramentos não apenas na ficção, mas na cultura que a cerca. Se nos 1980 havia videomakers demais no mundo, e nos 1990 começou a febre dos designers, profissões para onde escoava uma massa de indecisos de temperamento vagamente artístico, nos 2000 tivemos uma espécie de boom dos escritores. Que acompanhou outras novidades, em paralelo ou numa relação de causa e efeito: ferramentas de autopublicação, barateamento dos custos do livro impresso, florescimento de oficinas, festas literárias, prêmios, rapapés e oba-oba em geral, sem contar os maiores índices de escolarização e a consolidação de campanhas oficiais de estímulo à leitura.(…)”.