A estranheza minimal do Sígur Ros volta São Paulo depois de 16 anos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A estranheza minimal do Sígur Ros volta São Paulo depois de 16 anos

Pedro Antunes

04 Abril 2017 | 15h45

Banda é atração do Popload Gig em novembro; ingressos já estão à venda 

Banda Sigur Rós, liderada por Jonsi Birgisson (Crédito: Valda Kalnina/EFE)

Banda Sigur Rós, liderada por Jonsi Birgisson (Crédito:
Valda Kalnina/EFE)

Não é preciso entender islandês para se emocionar com as canções do Sigur Rós, banda que voltará a São Paulo após 16 anos de ausência. O grupo será atração do festival Popload Gig em 29 de novembro, no Espaço das Américas, em São Paulo. Os ingressos custam de R$ 190 (inteira, primeiro lote) a R$ 240 (camarote premium). Eles podem ser comprados aqui.

O hoje trio, formado por Jón Þór “Jónsi” Birgisson (vocais e guitarra), Georg “Goggi” Hólm (baixo e teclado) e Orri Páll Dýrason (bateria e percussão), tem um dos shows mais elogiados da atualidade


E muito disso se deve à impossibilidade de saber o que Jónsi está cantando ao microfone, entre falsetes. Restam sensações, cores e texturas, em uma experiência sinestésica. Por vezes, Jósni canta em um dialeto inventado por ele mesmo – sente essa piração, hahaha.

Do suprassumo do indie, o grupo foi ganhando notoriedade dentro da cultura pop. Suas canções já foram usadas, por exemplo, na série da HBO Game of Thrones. Capitão Fantástico, filme protagonizado por Viggo Mortensen, indicado a um Oscar, conta com Sigur Rós em sua trilha sonora, tal qual Vanila Sky e 127 horas.

Assista, abaixo, uma playlist com vídeos da banda:

Desde a saída de Kjartan “Kjarri” Sveinsson, responsável pelos teclados, a banda vem enveredando por temas mais sombrios, que evocam sentimentos de saudade, ausência e solidão. Com a atual formação, eles lançaram o disco Kveikur (2013) e um oitavo trabalho pode chegar ainda em 2017.

A última e única passagem do Sigur Rós pelo Brasil foi em 2001, no finado Free Jazz Festival – eles se apresentaram no Rio de Janeiro e  em São Paulo. Naquele ano, também tocaram Belle & Sebastian e Grandaddy.

O Popload Gig já trouxe bandas como Tame Impala, LCD Soundsystem, The Rapture, Feist,  e The Kills.