Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura » Vesti minha camisa vermelha e saí por aí…

Cultura

Luiz Zanin

23 Março 2016 | 15h41

Chegamos a um ponto em que sair de camisa vermelha (não precisa ser do PT) se converteu em risco. Li uma notícia sobre um menino hostilizado por colegas na escola por estar vestindo uma camiseta… da Suíça. Azar o dele se a cor dos helvéticos é o vermelho. Sim, pais e mães estão estimulando esse tipo de comportamento em seus filhos, o que já vem preocupando professores, pedagogos e psicólogos. Deveria preocupar a todos nós. Insuflar o ódio é um crime que esses pais cometem contra seus próprios filhos.

Precisamos entender que a estrutura mental desses adultos é a mesma de quem, em outros tempos e outras geografias, perseguia judeus e linchava negros.

A maior responsabilidade, a meu ver, é dos “formadores de opinião”, que envenenaram o ambiente social até ele se tornar propício a comportamentos desse tipo. Depois de passado este tempo de trevas, quando o golpe tiver sido dado, ou abortado, eles responderão perante a História. Ou perante suas consciências, caso ainda as tenham.

Quando tudo tiver terminado, quem reconduzirá os pitbulls aos canis?


Mais conteúdo sobre: