As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Testando a hipótese de um Colombo português

Luiz Zanin Oricchio

20 Outubro 2007 | 12h49

Segundo uma observação extracinematográfica, o diretor Manoel de Oliveira teria se encantado com o livro Cristóvão Colombo Era Português, do médico Manuel Luciano da Silva e sua mulher, Silvia Jorge da Silva, e decidido filmá-lo. Durante o trabalho, deu-se conta de que a tese sobre a origem lusitana do descobridor da América não parava em pé. Mas era tarde para voltar atrás e o filme se fez. Inclusive com Manoel e a própria esposa, Maria Isabel, interpretando o casal autor do livro.

Nada disso importa muito se tomarmos todo o relato como uma ficção que abastece o impulso nacionalista do diretor português, o decano dos cineastas, que trabalha a todo vapor com 98 anos, rodando um filme por ano. É verdade que Cristóvão Colombo: o Enigma não é um dos seus grandes trabalhos, mas tem momentos de antologia, como a chegada do jovem Manuel aos Estados Unidos. É uma seqüência que evoca o tom poético do Rex, o navio mítico de Fellini em Amarcord.

(SERVIÇO)IG Cine: Hoje, 14 h. Espaço Unibanco 3: 2.ª, 15h30. Cotação: Bom