As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pelé…na Universidade

Luiz Zanin Oricchio

11 Junho 2007 | 11h17

Amigos, anos atrás uma revista me encomendou um texto sobre Pelé. Escrevi mas, antes de mandar, pedi a minha mulher para ler. Ela me disse assim, na cara: “Eu, se fosse você, não publicava esse texto; está ridículo, baba-ovo total”. Aceitei o conselho e o reescrevi. Mas não fiquei contente com o resultado e desisti do free-lance, embora bem precisasse daquela graninha. Desde então, fiquei com a seguinte idéia na cabeça: ninguém escreve, ou fala, impunemente sobre Pelé. Se diz o que pensa, passa por babaca, piegas ou mentiroso. Se tenta ser contido, fica aquém, muito aquém do personagem.

Tudo isso para dizer que fui convidado a participar de uma mesa hoje à noite na PUC-SP para discutir o personagem, o que repõe esse desafio em minha vida. O título da mesa redonda é Pelé Eterno, que é também como se chama o filme de Aníbal Massaini sobre o Rei. O encontro é parte de uma semana de estudos dedicada pela PUC ao Santos Futebol Clube.

Não faz muito tempo, as Universidades achavam que futebol era um assunto indigno das altas cogitações acadêmicas. Tema menor. Isso está mudando e já existe muita gente boa nas universidades pesquisando e escrevendo sobre os aspectos culturais do nosso esporte mais popular. A iniciativa da PUC é mais uma prova dessa tendência. E inédita: pelo que sei, é a primeira vez que uma universidade dedica uma semana de estudos a um clube de futebol.

O desafio das pesquisas acadêmicas sobre o futebol será, a meu ver, levar em conta toda a complexidade desse esporte tão popular e suas repercussões na cultura brasileira, sem por isso transformá-lo em objeto de estudo frio, quer dizer, chato. Devemos, acho eu, estudar o futebol com rigor, mas sem perder o sentido da paixão. Que seja um “saber com sabor”, como desejava Roland Barthes, falando de outra área do conhecimento.

Enfim, quem se sentir atraído pelo assunto está convidado.

Seguem abaixo as informações sobre o evento, tiradas do site do Santos Futebol Clube.

A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) promoverá, de 11 a 14 de junho, o Seminário Metrópoles, Identidades e Futebol – Santos, um time de todos os tempos. Os painéis serão apresentados no Museu da Cultura, na Faculdade de Ciências Sociais (Rua Monte Alegre, 984 – Perdizes- São Paulo-SP).
Os temas giram em torno da ligação do futebol com outros aspectos da cultura da Pátria de Chuteiras, como a arte e a história. O evento é fruto de uma parceria entre o Museu da Cultura, Grupo Interdisciplinar sobre Estudos do Futebol (USP) e Núcleo de Estudos do Cotidiano e de Cultura Urbana (PUC-SP).

Programação
11/06- Segunda-feira- 19h30
Pelé Eterno
Local: Sala 134C
Reginaldo Mattar Nasser
Cientista Político
Coordenador Relações Internacionais – PUC-SP
Luiz Zanin Oricchio
Jornalista – O Estado de S. Paulo
Fernando José Lourenço Filho
Historiador – USP
Grupo Interdisciplinar sobre Estudos do Futebol
Kátia Rubio
Psicóloga
Universidade de São Paulo
Instituto Sedes Sapientiae
12/06- Terça-feira- 19h30
Futebol e História
Local: Sala 134C
Marco Antônio Villa
Historiador
Universidade Federal de São Carlos
José Geraldo de Moraes Villa
Historiador
Universidade de São Paulo
João Paulo Streapco
Historiador
Universidade de São Paulo
Grupo Interdisciplinar sobre Estudos do Futebol
José Paulo Florenzano
Antropólogo
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Diretor Museu da Cultura
Diana Mendes Machado da Silva
Historiadora
Grupo Interdisciplinar de Estudos Sobre Futebol
13/06- Quarta-feira- 19h30
Exibição do Filme “Pelé Eterno”
Local: Sala 134C
Diretor : Aníbal Massaini Neto
14/06- Quinta-feira- 19h30
Futebol e Arte
Local: Sala 134C
Flávio de Campos
Historiador
Universidade de São Paulo
Afonso Celso Garcia Reis – (Afonsinho)
Médico
Ex-atleta Profissional
Rodrigo Barbosa Ribeiro
Antropólogo
Pontifícia Universidade Católica
Nema/Complexus
Odir Cunha
Escritor/Historiador