Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Travolta

Cultura

Luiz Carlos Merten

07 Janeiro 2009 | 00h03

Estava antecipando um material para a edição de quinta do ‘Caderno 2’ porque tenho filme amanhã de manhã (daqui a pouco). Mas tem uma coisa que está me angustiando. Travolta sobreviveu tantas vezes na carreira dele, dando a volta por cima de sucessivos revezes e fracassos até virar o super-astro que é, que eu tenho a impressão que ele vai superar essa. Coppola, Paul Newman e acho que Sydney Pollack também viveram esse transe de enterrar seus filhos. Acho que não existe pesadelo pior para um pai, ou uma mãe, do que enterrar seus filhos. Não sei de muitos detalhes sobre a morte do filho de John Travolta. Bira, meu colega Ubiratan Brasil, me disse que era um garoto de 16 anos, sofria de convulsões e morreu de repente. Estava justamente num momento de lua de mel com Travolta. Havia entrevistado Renato dos Amnjos, o animador brasileiro responsável pela animação de ‘Bolt’ e ele me falou de seu trabalho com o Travolta, que deu voz, no original, ao supercão. Renato me disse que muito da energia e do entusiasmo do personagem vieram do dublador. Pobre Travolta! Que pesadelo deve estar vivendo!