Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » ‘Toy Story 3’

Cultura

Luiz Carlos Merten

14 Junho 2010 | 23h12

Olá! Recém agora estou chegando em casa. Assisti a filmes, mais filmes, saí com amigos. Assinei um termo, não sei se de confidencialidade, mas acho que não posso falar sobre os filmes que integram a superjunkett da Sony em Cancun e  um deles é o novo ‘Karate Kid’, com Jackie Chan e o filho de Will Smith, Jared. Vi hoje ‘Karate Kid’ e o filme tem cenas muito boas, às quais pretendo voltar. Também assisti a ‘Toy Story 3’. Tenho o maior respeito por John Lasseter e o pessoal da Pixar, mas com exceção de ‘Procurando Nemo’, que amo, era uma admiração um tanto fria e intelectual. Gosto de ‘Up – Altas Aventuras’, mas não curto o filme tanto quanto gostaria e o mesmo se pode dizer de ‘Toy Story’ 1 e 2. Já o 3, hoje, me deixou siderado e o final, quando o garoto se despede dos amigos, é Joey, no dfesfecho de ‘Os Brutos Também Amam’, vendo Shane partir e realizando ali o rito de passagem, passando de menino a homem bno clássico de George Stevens. Só isso me teria despedaçado, mas ‘Toy Story 3’ acrescenta outro olhar, que é o do caubói vendo o garoto ir-se (para sempre?). Não sei de vocês, mas me impressiona como uma animação pode ser ‘real’ para mim – como seria um documentário. Amei ‘Toy Story 3’ e queria compartilhar logo isso com vocês. Estou indo dormir. Amanhã a gente se fala. Antes ou depois do jogo?Antes, espero, mas já anuncio que, às 3 da tarde, espero estar no Anhangabaú, para ver a estreia do Brasil na Copa no meio da massa.