Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Sob a neve

Cultura

Luiz Carlos Merten

10 Fevereiro 2010 | 13h02

BERLIM – Pela procedencia, voces já sabem onde estou. Cheguei agora à tarde, depois de um atraso de duas horas na conexao em Paris. Enquanto esperava no aeroporto Charles De Gaulle via a neve que (re)comecava a cair, mas isso nao me preparava do espetáculo que foi a chegada a Tegel, na capital alema. Neve espessa. Vista do alto, Berlim parecia uma cidade meio fantasmagórica, toda branca. Estou só dando uma notícia rápida. Vou ver o meu credenciamento e comer alguma coisa, porque estou morrendo de fome. Na segunda à noite, havia visto em Sao Paulo Guerra ao Terror, de Kathryn Bigelow, e ocorreu de um assistir de novo, no aviao, a Lebanon, o filme israelense que ganhou o Leao de Ouro em Veneza. Lebanon havia encerrado a Mostra, uma sessao meio Jesus manso e humilde de coracao, fazei meu coracao semelhante ao vosso, que atrasou horrores e foi precedida pela tradicional comedia de erros da premiacao. Nao gostei do filme, mas dei o desconto de que talvez fosse a sessao. Nao era – Lebanon é jogo duro, estética e politicamente. A Fera da Guerra é muito mais claustrofóbico ao mostrar a guerra de dentro de um tanque e, quando tira sua camera lá de dentro, Kevin Reynolds nao faz os passeios indefensáveis, porque sensacionalistas, do diretor israelense Samuel Maoz. Os coleguinhas embarcaram alegremente na canoa furada e nao me lembro, mesmo nao tendo seguido as coberturas, de ter visto grandes protestos pelo esquecimento do filme da ex-senhora James Cameron pelo juri. Mas, enfim, preciso me concentrar na selecao de Berlim. Daqui a pouco dou mais notícias.