Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Queria ter gostado…

Cultura

Luiz Carlos Merten

14 Fevereiro 2010 | 14h13

BERLIM – Num post anterior, ‘Não me pegou!’, já falei mal da nova parceria entre Martin Scorsese e Leonardo DiCaprio. Não é um sentimento isolado, ou pessoal. Não encontrei até agora ninguém que tenha gostado – quer dizer, Leo(nardo) adorou. Entrevistei a trupe toda agora há pouco. Scorsese, Leo, Mark Ruffalo e Ben Kingsley. DiCaprio foi legal, mas confesso que todos os demais foram muito melhores e me deixaram frustrado por não ter gostado do filme. Perguntei sobre os níveis de interpretação (acting…) num filme em que a revelação final subverte completamente a percepção do espectador. Citei uma cena em particular, que não vou falar porque é a chave para o desfecho. Scorsese, ou melhor, ‘Marty’, mordeu a isca e desembestou a falar comigo. O problema de entrevistar o cara é que ele é um cinéfilo. Quatro ou cinco pergntas matam o tempo da entrevista. Como ele ainda citou dois diretores que amo, Gordon Douglas e Joseph Losey, ‘Fui Um Comunista para o FBI’ e o remake de ‘M’ (de Fritz Lang), saí da entrevista em estado de graça. Como gostaria de ter gostado (de ‘Ilha do Medo’). Agora, vou almoçar, porque a noite vai ser longa, com pelo menos dois filmes a partir das 19 horas daqui (16 horas no Brasil).

Encontrou algum erro? Entre em contato