Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Olho na Lume

Cultura

Luiz Carlos Merten

07 Janeiro 2008 | 12h10

Na série de e-mails que abri hoje, encontrei outro do pessoal da Lume, informando os lançamentos que a distribuidora de DVDs está programando para 2008. Preparem-se! ‘Caravaggio’, de Derek Jarman; ‘Contos da Lua Vaga’, de Kenji Mizoguchi; ‘O Anjo Embriagado’, de Akira Kurosawa; ‘A Marca da Forca’, de Joseph Losey -‘Time Without Pity’ havia sido lançado como ‘A Sombra da Força’, mas será, para mim, com qualquer título, um prazer falar sobre um autor que prezo tanto -; ‘O Discreto Charme da Burguesia’, meu Buñuel favorito; ‘Gothic’, de Ken Russell, outro esquecido, mas que teve a sua importância nos anos 70; ‘Eraserhead’, um David Lynch do começo da carreira, antes que ele virasse gênero de si mesmo, como neste horroroso (o adjetivo será muito forte?) ‘Império dos Sonhos’; e ‘Se…’, de Lindsay Anderson, que eu vi pela primeira vez no cine Coral, em Porto Alegre, no Moinhos de Vento, e até hoje não esqueço o impacto que me produziu. É uma seleção e tanto, que a Lume promete lançar à razão de dois títulos por mês. Vai ser uma festa para os cinéfilos. Mizoguchi! Kurosawa! Losey! Não sei o que a Versátil promete em 2008, mas estou mais é pensando em seguir uma lei do capitalismo, estimulando a concorrência entre as distribuidoras de DVDs de arte que poderá reverter em muita alegria para nós todos, cinéfilos unidos do Brasil!