Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » O Bom Pastor

Cultura

Luiz Carlos Merten

10 Fevereiro 2007 | 09h47

BERLIM – Passei pelo hotel para confirmar a entrevista com Ken Watanabe (de Cartas de Iwo Jima) e agora corro para rever The Good Shepherd, seguido de coletiva com o ator e diretor Robert De Niro (e Matt Damon). Jah vi o filme e gostei, mesmo achando muito para baixo. Quero rever apos o outro Good (German), do Soderbergh, que passou ontem. Bom fica longe de grande e o filme de De Niro, mesmo tendo me agradado mais do que o outro, nao eh grande. Mas acho os dois interessantes porque, no fundo, apesar de todas as diferencas – The Good German eh um drama romantico aa moda antiga; The Good Shepherd eh mais um docuthriller, se eh que existe o genero -, eles teem muito em comum. Ambos se passam no fim da 2.a Guerra, quando um novo mundo, um novo jogo de forcas comecava a se desenhar no mundo. Por que voltar a 1945, por que contar a historia da origem da CIA (no filme de De Niro)? Para falar sobre a divisao do mundo atual, sobre a geopolitica que Bush – que acaba de pedir ao Congresso dos EUA o maior orcamento da historia para a guerra. Hah uma consciencia liberal no cinema americano (sempre houve). Com maior ou menor qualidade, esses filmes estao ancorados nela.