Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » O assustador ‘Paciente 67’

Cultura

Luiz Carlos Merten

26 Julho 2009 | 22h54

Já havia visto ‘A Partida’ e gostado do filme, mas não sei por qual motivo não fiz a crítica no ‘Caderno 2’, quando estreou, nem o comentei aqui no blog. Escrevi alguma coisa en passant, só isso. Fui (re)ver ‘A Partida’ agora à tarde e amei. Foi uma coisa tão intensa que toda a sequência final, com – ou sobre – o pai, me tocou tanto que chorei de as lágrimas escorrerem e eu não conseguia me controlar. P… filme. Outro dia, alguém me pediu que o comentasse. O Felipe também me pede para falar sobre Edward G. Robinson e tenho mais um pedido pendente, sobre um filme. Qual é mesmo…? Prometo ir atendendo a todos os pedidos, mas agora quero falar de Scorsese. Não sou muito fã da parceria Scorsese/DiCaprio, mesmo reconhecendo que ‘Os Infiltrados’ é melhor – menos ruim… – do que ‘Gangues de Nova York’ e ‘O Aviador’. Ontem, quando fui ver ‘Halloween’ no Marabá PlayArte – ou será o contrário? -, assisti ao trailer de ‘Paciente 67’. Sabia que Scorsese e DiCaprio tinham feito, ou estavam fazendo, mais um filme, mas não tinha ideia de que já estava pronto e ia estrear. O trailer impressiona. Scorsese volta ao cinema de gênero, ao terror de ‘Cabo do Medo’. DiCaprio faz um policial que vai investigar o desaparecimento de uma mulher no instituto psiquiátrico que Ben Kingsley instalou numa ilha. Existem 66 pacientes, mas ele encontra referências ao 67º – que será ele, o trailer dá a entender. A promessa é de um suspense psicológico, ou psiquiátrico, com Ben Kingsley na pele do médico louco. O trailer perturba e, mesmo não gostando muito da parceria do diretor com o astro, preferiria ter visto ‘Paciente 67’ a ‘Halloween – O Início’. O filme já estreou lá fora? O que vocês sabem de reações da crítica e do público? Fico no aguardo…