Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » New York, New York

Cultura

As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cultura

New York, New York

Luiz Carlos Merten

08 Dezembro 2010 | 14h10

Olá! Tantos dias sem dar notícias. Sim, eu existo. Estive em Nova York – viajei sábado, retornei agora pela manhã -, para assistir a ‘How Do You Know’ e entrevistar a equipe do novo James L. Brooks. Houve uma coletiva, fiz one a one com o diretor e com Kathryn Hahn, que foi ótima, mas ela não é uma estrela e, portanto, o interesse midiático é menor. Com o elenco principal – Jack Nicholson, Reese Whiterspoon, Owen Wilson e Paul Rudd -, foi só coletiva, mas se há uma coisa de que não duvido é de os deuses do cinema conspiram a meu favor. Havia entrevistado Jim Brooks, peguei o elevador, as portas se fechavam quando apareceu no meu campo visual uma mão de mulher abrindo as portas. Era a assessora de Mr. Nicholson e Jack entrou a seguir. Fez gracinha – pediu permissão para entrar e eu aproveitei e fiz a minha. Não, queria ser o cara que disse não a Jack Nicholson. Conversamos um pouquinho, basicamente sobre o frio em Nova York, e eu lamentei que o percurso do elevador não fosse mais longo. Sobre ‘Jim’ Brooks ocorreu uma coisa não menos curiosa. Antes da entrevista, estava redigindo os filmes na TV e selecionou, na TV paga, ‘Laços de Ternura’. Contei a Mr. Brooks e lhe disse que achava o filme antigo melhor, mas isso criou um clima que me permitiu falar com ele sobre a obra toda e não apenas o novo filme, o que teria sido decepcionante (ficar só nisso). Embora a estada em Nova York tenha sido curta, valeu e já conto porquê. Estava num hotel na 56th Street, entre as avenidas Broadway e Américas. Quando não estava caminhando na 5ª Avenida, ou em Columbus Circus, ou na 42, me metia no cinema. Vi coisas boas, a começar, pasmem!, por Darren Aronofsky. E não é que ele fez um grande filme? Fiquei perturbado com ‘Black Swan’, mas vai ser assunto longo. Aguardem o próximo post.