Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Leões e Cordeiros (1)

Cultura

As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cultura

Leões e Cordeiros (1)

Luiz Carlos Merten

29 Outubro 2007 | 16h09

Acho que já tinha comentado com vocês do meu desejo de assistir a ‘Leões e Cordeiros’, o primeiro filme de Tom Cruise na nova United Artists, marca que ele está tentando revitalizar, após ser demitido da Paramount. Gostei bastante do filme a que assisti agora de manhã, numa cabine (sessão para a imprensa) no Espaço Unibanco. Achei bem curioso o desfile de marcas da abertura, primeiro a da Fox, que distribui o filme no Brasil, depois a da United e, finalmente, a da Metro, com leão rugindo e tudo. Na volta para o jornal, dei uma olhada no material e, de tudo o que li, achei o mais interessante o seguinte. Matthew Carnahan, o roteirista, disse que teve a idéia de ‘Leões e Cordeiros’ zapeando na TV. Estava assistindo a uma transmissão esportiva, diretamente de um estádio apinhado de gente que vibrava a cada lance da partida. Ele deu uma zapeada e saltou diretamente para o noticiário da Guerra do Iraque, com seu cortejo de horror e os mortos que não param de aumentar. De cara Matthew fez uma ponte pensando na indiferença de tantos pelo que está rolando no Iraque, onde os EUA se enterram, com cadáveres – 3600 citados no filme, e o número já aumentou bastante – que daqui a pouco estarão dando a volta ao mundo. O roteiro nasceu da sua perplexidade e, talvez, da sua indignação. Foi enviado a Tom Cruise, que o repassou a Robert Redford, que leu e aceitou a direção. Os dois trouxeram Meryl Streep para o projeto. Aguardem o dia 9. ‘Leões e Cordeiros’ estréia aqui apenas dois depois da estréia nos EUA, no dia 7. Como o post está ficando longo, não vou abrir parágrafo, mas continuar daqui a pouco.