Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Homem-Aranha 3

Cultura

Luiz Carlos Merten

15 Abril 2007 | 05h52

TOQUIO – Assisti a O Homem Aranha 3, almocei e agora estou aqui postando. Eh madrugada no Brasil, o que significa que muito pouca gente – ninguem? – lerah este texto antes do amanhecer. Adorei o filme que fecha um ciclo. Nos ultimos seis anos, Sam Raimi dedicou-se quase que soh a essa serie de filmes. Com os dois primeiros, virou, para a industria, o homem de US$ 1,5 bilhaoh de dolares. Naoh faco, leia fasso, ideia de quanto poderah faturar o terceiro e tambem naoh interessa. Gosto do filme naoh por ser um blockbuster, ou um supersucesso, mas porque eh inteligente. No primeiro filme, Sam Raimi criou o perfeito heroi adolescente. No terceiro, com a entrada em cena de Venon, o tema passa a ser o lado sombrio do heroi. George Lucas dedicou uma trilogia inteira aa construcao do vilao, mostrando em Star Wars 1/2/3 como Annakin Skywalker, dominado pelo lado escuro da Forca, vira Darth Vader. Spider Man usa o uniforme negro e ele libera o que hah de mais destrutivo em Peter Parker. Ele se vinga, humilha – veja o filme, dia 4 de maio, para saber de quem. Saoh sentimentos negativos. David Lean jah mostrou, em Lawrence da Arabia, como o heroi, externando sua capacidade de destruicaoh, dirige sua violencia contra os outros e termina por se destruir a si proprio. Soh que Peter/Spider Man se redime. No terceiro filme da serie, o heroi teen vira um heroi etico, para quem tudo, na vida, saoh escolhas. Naoh sei se tem a ver com O Quarteto Fantastico 2, mas eh interessante como Spider Man enfrenta agora tres viloes – o ex-amigo Harry, que veste a fantasia do pai, o Duende Verde, tambem sedento de vinganca, Sandman e Venon, que fornece forca a um fotografo mau-carater. No final, a luta eh de dois contra dois, pois Harry volta a ser o amigo capaz de se sacrificar. Naoh sei se dizendo essas coisas tiro a graca, leia a grassa, mas eh que o filme eh taoh cheio de amor, de emocao, de humor e recolhe elementos de generos taoh dispares quanto a aventura e o musical, que me encantou. Homem-Aranha 3 preencheu a minha necessidade de acao. Vocehs me conhecem. Sabem que no meu coracao existe espaco para o filme-cabeca, leiam cabessa,e o filme de grande espetaculo. Uma coisa naoh exclui a outra e, aas vezes, elas intergem, e ateh se completam. Hah muitas coisas a falar sobre a serie do Homem-Aranha e o terceiro filme em especial. Dallas Bryce Howard faz a primeira namorada de Peter, no tempo da escola. Nos comics, ela eh morta pelo pai de Harry. Volta para propor o que parece um triangulo com Mary Jane, mas eh com o tal fotografo. Eh uma personagem muito interessante. A loira que parece burra eh outra personagem etica. Sam Raimi fez um filme que contempla multiplas leituras psicanaliticas. Peter, privado do pai, quer vingar o tio que foi um pai substituto para ele. Harry tambem se debate contra esse pai cruel que o desprezava, mas exige vinganca, e o vilao Sandman, o Homem de Areia, eh um pai desesperado que faz qualquer coisa pela filha doente. Vocehs jah podem ir fantasiando sobre O Homem-Aranha 3. Espero que curtam tanto quanto eu.