Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Fucking Moodysson

Cultura

Luiz Carlos Merten

09 Fevereiro 2009 | 15h04

BERLIM – Bem breve: Lukas Moodysson, de ‘Fucking Amal’ – nunca me lembro o título em português -, é um diretor sueco interessante e provocativo, mas ele errou a mão em ‘Mamouth’. O filme com Gael García Bernal e Vanessa Williams segue a vertente da crítica à globalização de ‘Babel’. Um casal de Nova York envolve-se numa trama com desdobramentos na Tailândia e nas Filipinas. A tese é a mesma do mexicano Alejandro González-Iñárritu. No mundo globalizado, um suspiro em Manila provoca um terremoto no outro lado do mundo. Achei ruim demais. Eu e meio mundo aqui em Berlim. ‘Mamouth’ foi o filme mais vaiado até agora.