As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Festival de Gramado (14)/Bio!

Luiz Carlos Merten

26 Agosto 2017 | 10h06

GRAMADO – Vocês sabem quanto gosto de As Duas Irenes, mais até que de Como Nossos Pais, embora os dois sejam bons, os melhores longas brasileiros desse festival, com o Pela Janela, muito bonito e no qual Magali Biff está excepcional. Magali leva melhor atriz na noite de hoje? É a pergunta que, para mim, não quer calar. Encontrei agora pela manhã, no café, o (Carlos) Gerbase e brinquei com ele. Apresentei minhas objeções a Bio, seu longa da competição brasileira. Um falso documentário, contando a história de um homem que nasce em 1959 e vive mais de 100 anos, projetando a narrativa no futuro. Um filme de cabeças falantes, muito bem fotografado e decorado (pela direção de arte), e com um monte de personagens. São 39 atores. 39! Confesso que as tais cabeças falantes – vocês vão entender, quando virem – me cansaram. Falei no risco desse tipo de filme, não necessariamente em termos de mercado. O diretor e Branca Messina – foi o que brinquei – me deram um puxão de orelhas público. O filme é exigente, para um público inteligente, aberto ao diferente. Eu, modestamente, acredito ser tudo isso e até quando vou na contracorrente da crítica – lincando algum vencedor da Mostra Aurora de Tiradentes com os excessos de Transformers – é porque descubro ali alguma coisa que, no fundo, talvez só faça sentido para mim. Em geral, sigo a regra de André Bazin e acho ‘meus’ filmes, os que faço a partir dos filmes deles, melhores que os dos diretores. Brinco… Será? Mas não consegui curtir muito o Bio, título do filme. Luli, a produtora, mulher do Gerbase – Luciana Tomasi -, disse que é um filme muito rico em detalhes e que exige a segunda visão. Já havia decidido comigo que tenho de rever o Bio, espero que no cinema. Se Garbase lançar só em outras plataformas – vimeo nem morto – , arrisco-me a não ver, sorry. Bio deve ganhar alguma coisa hoje à noite. O quê? Estou curioso para ver como se sairá o júri.