Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Espanha!

Cultura

Luiz Carlos Merten

29 Janeiro 2008 | 17h20

MADRI – Olá! Cheguei a Madri ontem no início da tarde e já tratei de conhecer a cidade, indo a um show de flamenco à noite. Não conhecia a capital espanhola, e é uma cidade impressionante. Tem uma parte antiga muito interessante, construída em torno da Calle Mayor – que inspirou um famoso filme de Juan Antonio Bardem nos anos 50 -, e outra moderníssima, que nada deve às capitais mais sofisticadas do mundo. Hoje pela manhã fui ao Prado para realizar meu sonho de ver ‘As Meninas’, mas confesso que depois do impacto que me produziu, em Paris, a alegoria do estúdio do artista, na exposição de Gustave Courbet, não tive nem de longe o choque que esperava ter. Velásquez é um gênio, mas seu quadro é muito intelectual, me produziu uma admiração fria, ao contrário do Goya, do Hyeronimous Bosch e do Brueghel Velho. ‘O Jardim das Delícias’, ‘O Carro de Feno’ e ‘O Triunfo da Morte’ são tudo aquilo que eu esperava e muito mais. Descobri o José de Ribera, que me pareceu uma coisa de louco, e o mais doido é que em cada sala que se entra tem um daqueles quadros que a gente aprendeu a conhecer (e amar) como peças-chaves da criatividade humana. Queria ir também ao museu Reina Sofia, para ver ‘Guernica’, mas ainda bem que hoje é terça e estava fechado. Pude ficar mais tempo no Prado, inclusive almoçando por lá (a comida do museu, um menu fixo, é deliciosa e, para os padrões dos restaurantes daqui, bem barata). Mas agora chega. Dois dias sem cinema são demais para mim. Vou postar este texto e enviar minhas matérias para o Caderno 2 – continuo escrevendo, apesar das férias… – e, na seqüencia, já que vou poder escolher apenas um filme para hoje, terei de fazer minha opção entre ‘El Orfanato’, um fantástico produzido pelo Guillermo Del Toro, que fez (faz) grande sucesso por aqui, ou ‘Savage Grace’, de Tom Kalin, com Julianne Moore, que vi em Cannes no ano passado (e acho que passou na Mostra). Adorei o filme do Kalin, que estou louco para rever. Mas, pelo sabor da novidade, acho que vou terminar indo de ‘El Orfanato’.Ou de ‘Crímen em Oxford’, um suspense de Alex de la Iglesia, todos em cartaz num cinema aqui em frente do hotel, na Gran Via. Até amanhã!