Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Enquanto isso, à noite…

Cultura

Luiz Carlos Merten

23 Agosto 2007 | 09h58

Só para concluir o assunto George Sidney – ele morreu em 2002, o que significa que a entrevista do Rubens Ewald Filho deve ter sido feita em 2000 ou 2001, pouco antes da morte do diretor. Já são quase 10 da manhã. Estou no jornal no jornal desde as 8 e ainda não escrevi nenhuma das matérias que tenho de concluir logo. Esse blog é um vício. Quero falar sobre o Festival de Curtas que começa hoje (para convidados) e tem coisas ótimas, incluindo Satori Uso, para mim o melhor filme do formato no recente Festival de Gramado, e Alphaville 2007, que ganhou o Kikito principal. Falo depois. Antes de me desconectar, não posso resistir à tentação de repassar para vocês a informação que me passou um passarinho (uma passarinha…). Debaixo do maior sigilo, set fechado para a imprensa, Walter Salles e Daniela Thomas estão filmando Linha de Passe, aqui em São Paulo. O filme tem muitas noturnas e, se você, passando pela periferia, vir um set armado, de noite, tem chance de que seja o de Linha de Passe, cujo elenco é formado, predominantemente, por gente desconhecida. Quer dizer, desconhecida em termos. Waltinho volta ao Vinicius de Oliveira, que não é mais o garotinho de Central do Brasil – afinal, passaram-se quantos? Nove anos? Já comentei com vocês. Fernanda Montenegro foi premiada em Berlim e depois disputou o Oscar por seu papel como Dora. Grande Fernanda. Mas a última vez que (re)vi Central na TV confesso que fiquei chapado com o Vinicius. Como ele é bom no filme! Tomara que Walter Salles lhe dê outro grande papel no novo filme.