As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E ainda no pré-Oscar, o Spirit! A Framboesa de Ouro!

Luiz Carlos Merten

04 Março 2018 | 09h04

‘Deu’ Timothée Chalamet no Spirit, ontem à noite. Melhor ator, por Me Chame pelo Seu Nome, e o longa de Luca Guadagnino também venceu melhor fotografia. Jordan Peele venceu melhor diretor e filme, por Corra!, Frances McDormand foi melhor atriz, por Três Anúncios para Um Crime, e Greta Gerwig ganhou o prêmio de roteiro, por Lady Bird. Ontem também foi a premiação da Framboesa de Ouro. Os piores! Emoji, pior filme, diretor, roteiro. Tom Cruise, pior ator, por A Múmia – venceu Johnny Depp, de A Vingança de Salazar, o que, honestamente, mesmo como sarro, me parece injusto. Mel Gibson e Kim Basinger foram piores coadjuvantes, por Pai em Dose Dupla 2 e 50 Tons Mais Escuros, que também venceu como pior sequência.