Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » ‘Chefão’

Cultura

Luiz Carlos Merten

05 Agosto 2008 | 15h41

Renato de Oliveira Martinez me pede que comente alguma coisa sobre a nova caixa de DVD do ‘Chefão’. É a mesma versão antiga do filme, mas restaurada – nos trinques – em termos de imagem e som. Não é um ‘The Godfather Redux’ – como o Coppola fez ‘Apocalypse Now Redux’, acrescentando cenas (e muita metragem…) ao filme originalmente lançado nos cinemas, por volta de 1980. Os extras é que são notáveis e incluem uma galeria de produtos – para cinema ou TV – que se referem a/ou parodiam o filme. Muito interessante… A propósito do lançamento, fiz uma entrevista legal com a Talia Shire, na qual ela comenta sua participação na saga. Diz que Coppola não queria lhe dar o papel de Connie, mas ela insistiu e fez teste (audition) como todo mundo. Talia analisa a evolução da sua personagem, que vira, na ausência da Kay de Diane Keaton, a matriarca da família Corleone. É uma personagem trágica e a leitura ‘shakespeariana’ que a atriz propõe da série de filmes, desde o primeiro, calcado em ‘Júlio César’ – o assassinato do grande homem -, até o terceiro, ‘o Rei Lear’ de Coppola, pode não ser original, mas é muito bem fundamentada. Como nunca entrevistei o Coppola – é uma falha no meu currículo -, nunca pude fazer para ele a pergunta que me persegue e que comentei com Talia. Ninguém me convence – só o Coppola poderia fazê-lo – que ‘O Poderoso Chefão’ não carrega ‘Rocco e Seus Irmãos’. A tragédia de Michael Corleone, o idealista que se sacrifica pela unidade familiar, é a mesma de Rocco e ambos possuem temas musicais (similares) criados por Nino Rota. Talia diz que nunca ouviu do irmão – Francis – qualquer referência nesse sentido, mas ela acrescenta que Visconti (e o grande Nino) eram moedas correntes na casa dos Coppola e que o pai dela (Carmine) sabia tudo sobre o autor da trilha de ‘Rocco’ e ‘The Godfather’. Portanto, se a ponte é possível, não deve ser mera coincidência.