Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Cavalier! Park Chan-wook!

Cultura

Luiz Carlos Merten

13 Maio 2009 | 07h36

TCANNES – Encontrei no aeroporto Charles De Galle, em Paris, Márcio Fracaroli e o Alexandre, da Paris Filmes. Deram-me ótimas notícias que trato de repassar para vocês. A Paris vai distribuir ‘La Testa Asustada’, que venceu o Festival de Berlim, em fevereiro, e a expectativa é de que o filme passe no Festival de Cinema Latino-Americano, do Memorial da América Latina, em presença da diretora Claudia Puenzo. Vou ficar feliz da vida, se isso acontecer, mas o Márcio e o Alexandre me deram outras notícias que vão fazer muitos de vocês dar pulos de alegria. Na verdade, eles estão aqui porque a Paris já comprou – aleluia! – o novo Park Chan-wook, ‘Beba, Este É Meu Sangue’, que integra a competição, e o produtor coreano está propondo uma venda casada que inclui outro filme na mostra Un Certain Regard, ‘Mother’ (Mãe), de Boong Joon-ho. Alexandre me citou um terceiro filme no qual está de olho, porque quem faz a assessoria é um amigo (ou coisa que o valha). Esse filme é simplesmente ‘Irène’, de Alain Cavalier, um diretor comercial nos anos 60 e 70 (‘L’Insoumis’/Terei o Direito de Matar?, com Alain Delon, e ‘A Chamada do Amor’, com Catherine Deneuve), que virou um dos autores mais radicais (e experimentais) da França – ‘Thérèse’ é uma obra-prima. Ainda não vi ‘Irène’, mas já pedi ao Alexandre que, pelamor de Deus, compre o Cavalier. Espero que nós, cinéfilos, ainda venhamos a agradecer-lhe.