Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Cariocas elegem Scorsese

Cultura

Luiz Carlos Merten

02 Janeiro 2007 | 13h55

Meu colega Luiz Zanin Oricchio, a título de provocação, me informa que a Associação de Críticos do Rio escolheu Os Infiltrados, de Martin Scorsese, como melhor filme do ano. Fazer o quê, né Zanin? Aproveito para dizer que recebi o novo número da revista Premiere, a americana, à venda nas melhores bancas, e que o editor da revista, Peter Herbst, também considera Os Infiltrados (The Departed) o melhor do ano. Meu filme preferido, sem surpresa – escreve ele –, é The Departed. Herbst acrescenta que se trata de um ‘exquisite’ exercício de cinema de gênero, sem uma nota em falso – a idéia é dele; eu acho que tem notas falsas demais; aliás, a proposta do filme é a falsidade, o que me leva a crer que o tal Herbst deve ter gostado porque não entendeu direito –, mas o top do comentário dele é que acha o máximo a ‘vilania operática’ de Jack Nicholson. Já jurei que vou triver – ver pela terceira vez – Os Infiltrados, antes do Oscar, para ver se mudo alguma coisa. Vi o filme no Festival do Rio e, depois, numa cabine antes da estréia. Não é segredo que não gosto, mas, enfim, os fãs de Scorsese que curtam o sucesso de crítica do filme dele através do mundo.