As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cannes! (26)/E eu acertei…

Luiz Carlos Merten

24 Maio 2015 | 14h44

CANNES – No meu texto para o Estado cravara que Emmanuelle Bercot, diretora da filme de abertura – La Tête Haute -, poderia fazer história em Cannes vencendo o prêmio de melhor atriz por Mon Roi, de Maïwenn. Não deu outra. Que me lembre, nunca, em nenhum festival, a diretora de um filme ganhou como atriz pelo filme de outra diretora. Emmanuielle dividiu o prêmio com Rooney Mara, de Carol, de Todd Haynes. Tem gente à beira de um ataque de nervos aqui do meu lado.Cate Blanchett, a própria Carol. não levou…