Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Calma, gente

Cultura

Luiz Carlos Merten

26 Outubro 2007 | 11h27

Daniel, meu amigo, não seja assim. Pedro Costa está, sim, no júri da Mostra e eu, pessoalmente, estou muito interessado em entrevistá-lo, mas até ontem o diretor português ainda não havia chegado. Afinal, a coletiva de apresentação do júri – e dos finalistas para o prêmio Bandeira Paulista – ocorre somente amanhã. Outro que está no júri é Hirokazu Kore-eda e eu corto os pulsos se não falar com o diretor de ‘Maborosi’ e ‘Depois da Vida’, que já entrevistei em Cannes, quando ele concorreu com Ninguém Pode Saber. Vilmar não foi o único a não gostar de ‘Mutum’. Adorei o filme de Sandra Kogut quando o vi em Cannes, mas na quarta, após a sessão no Cine Brombril – esperava amigos para jantar -, encontrei gente que me perguntava como pude gostar ‘daquilo’? Muita calma neste momento. O filme é bom, sim, mas estréia logo e vamos deixar as polêmicas para daqui a duas semanas, quando estiver em cartaz. Vilmar dá duas sugestões que passavam despercebidas (para mim, pelo menos). Uma é ‘Yo Soy la Juane’, o novo Bigas Luna, que eu até achava que tivesse se aposentado, pois nunca mais havia visto nada dele, nem em festivais internacionais. Bigas Luna irrompeu com Almodóvar, o Pedrito da primeira fase, no mercado brasileiro. Ele fazia aqueles filmes bagaceiros, bem ralé, mas muito legais, tipo ‘Huevos de Oro’, em que Javier Bardem queria comer todas e o diretor, sem a menor sutileza, comparava a genitália que ele estava sempre segurando com imensas tiras de salame expostas pelo filme inteiro. Quero ver se ainda consigo assistir a ‘Yo Soy…’ Quanto a ‘El Orfanato’, produzido por Guillermo Del Toro, nem sabia da existência deste filme. terá alguma coisa a ver com o clima de ‘A Espinha do Diabo’, do próprio Del Toro e também passado num internato?