Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Berlinale (19)/Notícias do planeta Marte

Cultura

As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cultura

Berlinale (19)/Notícias do planeta Marte

Luiz Carlos Merten

16 Fevereiro 2016 | 21h30

BERLIM – Estou voltando agora da sessão de Nouvelles de la Planète Mars. Quer dizer, vi o novo filme de Dominik Moll, que passa na competição, mas fora de concurso, passei no Maredo para jantar e vim para o hotel. É um diretor que me desconcerta. Nascido na Alemanha, faz film,es na França. Não saberia dizer se gosto de Harry Un Ami Qui Vous Veux du Bien/Harry Chegou para Ajudar e Lemming. Moll me parece cria da misantropia e estranhamento de Michael Haneke. Parecia – porque algo se passou vendo Notícias (Novas) do Planeta Marte. É Marte, mas é Mars, de Sr. Mars, o personagem de François Damien. Ele foi pai Bélier, lembram-se? Damien faz de novo um pai, ou outro pai. A ex-mulher, os filhos, a irmã, o patrão, o colega, todos abusam dele. O amigo da filha diz que ele é um losér, um perdedor. Mas Mr. Mars não vai precisar mudar seu comportamento para virar o jogo e conquistar todo mundo, como conquistou a mim. Dominik Moll continua olhando o mundo da perspectiva de um misantropo, mas, de repente, ele acha que as coisas podem valer a pena. E valem. Há algo de dérangeant em François Damien. Fisicamente, ele lembra o lendário Bourvil, que formava dupla cômica com Louis de Funès e Jean-Pierre Melville transformou em ator dramático. Gostei de ver o Planeta/Sr. Marte e me encantei com o achado do roteiro, os pais mortos que voltam para falar com o filho e vão encolhendo. Como diz a mãe, ‘Qual é a função dos pais se não se preocupar com os filhos?’ Mas até no outro mundo? Embora tenham ordens expressa paras não interferir na realidade… Esperem para ver. Eu me diverti.

Encontrou algum erro? Entre em contato