Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » ‘Benjamin Button’

Cultura

As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cultura

‘Benjamin Button’

Luiz Carlos Merten

06 Janeiro 2009 | 20h41

Tive hoje um dia corrido e terminei sacrificando o blog. Pela manhã, fui ao jornal para fazer os benditos filmes na TV e corri para a cabine de imprensa de ‘O Curioso Caso de Benjamin Button’. Ela ocorreu na sala 6 do Arteplex, que ficou lotada. Tomei um choque. David Fincher é um grande diretor, isso eu já sei, e a parceria dele com Brad Pitt só produz coisa boa. Dessa vez, eles se excederam. Não sei de vocês, mas existem filmes que me produzem uma sensação curiosa, eu diria estranha. Por mais fantásticos que pareçam – e a história de um sujeito que nasce velho e vive uma vida inversa no tempo, até virar bebê no colo da mulher amada, é fantástica – minha sensação é de estar assistindo a uma coisa tão ‘real’, como se o filme fosse uma janela aberta para o mundo (e os outros). Poderia ficar vendo ‘Benjamin Button’ por muito mais tempo do que as suas 2h40. O filme é aquilo que Coppola gostaria de ter feito com ‘Jack’ e ‘Youth without Youth’, que me pareceram interessantes, intrigantes, etc, mas não me satisfizeram, ao contrário de ‘Benjamin Button’, que me produziu uma epifania. Lá no meio, descobri o que me desagradara em ‘A Fronteira da Alvorada’, de Philippe Garrel, que me espanta muito que certas pessoas tenham gostado (e tanto). Mais tarde, eu conto o que é. Nossas manhãs – nossas, da imprensa de cinema – tem sido (cadê o circunflexo do plural do verbo ter? A nova ortografia comeu…) agitadas. Todo dia tem cabines, para compensar a parada de Natal e Ano Novo. Amanhã vou ver o filme francês ‘Dois em Um’, que também estréia na sexta. Tomara que seja legal, mas o trailer, que assisti com ‘A Bela Junie’, vende muito mal a comédia com Daniel Auteuil e Alain Chabat. Almocei com um amigo que está saindo de férias e iniciei uma maratona de entrevistas, incluindo uma com a dupla de diretores de ‘Alguém Que me Ame de Verdade’, filme que estreia (sem acento, que estranho!) na sexta e me pareceu bem legal. Enfim, só agora estou chegando em casa e arranjei esse tempinho para postar. ‘Benjamin Button’ estréia dia 16. Antes disso, teremos uma batelada de estreias nesta sexta, dia 9, incluindo ‘A Troca’, com Angelina Jolie – mas o maridão Brad Pitt está melhor no filme do Fincher, que também é melhor (muito!) do que o de Clint. Taí, vocês me animaram com as referências elogiosas a ‘Gran Torino’. Tinha achado ‘The Changeling’ tão… fake?