Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Ainda Billy Bob

Cultura

Luiz Carlos Merten

14 Fevereiro 2012 | 05h31

BERLIM – Eh incrivel como, nos ultimos dias, tem surgido comentarios em posts antigos – sobre Jacqueline Bisset, Joselito e sobre o antigo Cine Marabah, em Porto Alegre. Virginia comenta que o filme que abriu o Cine Teatro Fatima, de sua querida Montes Claros, interior de Minas, foi o mesmo O Cristo de Bronze, a que me referi no post sobre a sala da Praca da Alfandega. Legal – vou voltar ao assunto -, mas quero acrescentar agora soh mais uma coisa sobre Billy Bob Thornton. No palco do Palast, ele foi apresentado como Oscar winning e eu fiquei quebrando a cabeca para saber que premio. Me lembrava que era como roteirista. Tive de ir aa Wikipedia. Foi por Na Corda Bamba, em 1996. Ele fazia um sujeito condenado por matar a maeh e o amante. Solto, e meio louquinho, voltava para a cidade em que nasceu e iniciava amizade com um garoto, mas o passado, claro, cobrava seu preco. Robert Duvall fazia o pai. Ele prossegue em Jayne Mansfields Car e naoh eh o menor dos prazeres do novo filme – o verdadeiro dueto, as cenas de Duvall e John Hurt como os velhos que compartilharam a mesma mulher, e ela se casou com o segundo, depois de abandonar o primeiro (que nunca perdoou o bastardo ingles). Billy Bob eh o diretor das pequenas miserias humanas, que filma com humor. Seu elenco jah eh candidato  ao premio coletivo do SAG, o sindicato dos atores, no ano que vem. Isso se jah nao tiver estreado nos EUA (e sido esquecido nas indicacoes). Naoh que seja importante, exceto para eles. Billy Bob foi casado com Angelina Jolie. Ela veio mostrar In the Land of Blood and Honey com o maridaoh Brad Pitt. Serah que se cruzaram? A proposito, Pitt vai produzir o novo Steve McQueen, com Michael Fassbender. Ele deu uma entrevista por aih dizendo que Fassbender tem um grande talento, e acrescentou rindo, digno de um astro pornoh. Ah, quer dizer que Brad Pitt tambem notou?