Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » A caminho…

Cultura

Luiz Carlos Merten

17 Janeiro 2008 | 08h46

Não sei se Adhemar Oliveira, Espaço Unibanco e Arteplex, já divulgou que vai lançar o primeiro Imax de São Paulo. Adhemar vai ter de agilizar as obras, pois o novo Batman de Christopher Nolan, ‘The Dark Knight’, com estréia mundial anunciada para julho, está sendo filmado neste formato para produzir no espectador os efeitos de vertigem e imersão total, como ouvi o diretor dizer numa entrevista. Não vamos ficar fora desta, não? A dupla Robert De Niro-Al Pacino, de ‘Fogo contra Fogo’ (Heat), de Michael Mann – que Martin Scorsese considera o melhor filme hollywoodiano dos anos 80 -, volta a se reunir em ‘Righteous Kill’, thriller de Jon Avnet sobre dois tiras de Nova York que se unem para investigar um crime. Posso até achar que De Niro tem representado demais (no piloto automático) loucos de pedra e também que Pacino criou uma persona tão forte que, às vezes, chega a ser prejudicial para os filmes que interpreta. Lembro daquele policial com o Colin Farrell, ‘O Novato’ – alguém tinha dúvida de que o final ia ser aquele? E a gente sabia por causa do Pacino. Mas os dois são puta atores de cinema. Acabo de ver em Paris, no Max Linder – cinema que tem a maior tela da cidade -, ‘Serpico’, que Sidney Lumet fez nos anos 70, com o jovem Pacino, ainda fresquinho do impacto de sua interpretação como Michael Corleone em ‘O Poderoso Chefão’. Vi o filme com meu amigo Pedro Butcher e a gente só se olhava, boquiaberto. Serpico é o policial íntegro, que combate a corrupção dos colegas. Submetido a uma pressão brutal, ele desconta na mulher, que é interpretada pela Victoria Sharpe. Pedro e eu tivemos a mesma idéia – Capitão Nascimento… Será que Wagner Moura e o diretor José Padilha viram o filme do Lumet? Aliás, preciso falar com os dois para preparar a matéria sobre ‘Tropa de Elite’ no Festival de Berlim.