Instituto Casa da Ópera está inabilitado para assumir o Teatro Municipal de São Paulo

Instituto Casa da Ópera está inabilitado para assumir o Teatro Municipal de São Paulo

Decisão foi publicada hoje no Diário Oficial e se deveu à não apresentação de documentos exigidos pela Secretaria Municipal de Cultura; segundo colocado no processo de seleção, o Instituto Odeon passa para a primeira colocação

João Luiz Sampaio

11 Agosto 2017 | 12h07

O Instituto Casa da Ópera, que havia vencido o processo de convocação de organizações da sociedade civil para a gestão do Teatro Municipal de São Paulo, foi considerado inabilitado pela Comissão de Seleção por conta da falta de entrega de documentos necessários para a confirmação do processo. Com isso, a segundo colocado, o Instituto Odeon, passa à primeira colocação.

Segundo a decisão publicada hoje no Diário Oficial, os membros da comissão “deliberaram pela inabilitação do Instituto Casa da Ópera, conforme item 5.18.1, por não atender o disposto no item 5.17.2 do Edital, mesmo após diligências desta comissão acerca da entrega do Balanço patrimonial publicado e demonstrações contábeis do último exercício social, já exigíveis e apresentados na forma da lei (devidamente registrado no órgão competente e assinado pelo contador e pelo representante legal), vedada a sua substituição por balancetes ou balanços provisórios”.