Claudio Cruz é o novo regente titular do Teatro Municipal do Rio de Janeiro

Claudio Cruz é o novo regente titular do Teatro Municipal do Rio de Janeiro

Maestro substitui Tobias Volkmann, que foi exonerado na terça-feira após fazer críticas à direção do teatro

João Luiz Sampaio

17 Maio 2018 | 15h29

O maestro Claudio Cruz é o novo regente titular da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Segundo a instituição, o nome do maestro foi encaminhado hoje ao governador do Estado e a nomeação deve ser publicada amanhã no Diário Oficial. Os músicos da orquestra foram comunicados da decisão na manhã de hoje, mas Cruz só deve se pronunciar após a publicação da nomeação.

Cruz, que é diretor da Orquestra Jovem do Estado de São Paulo, substitui Tobias Volkmann, que foi exonerado do posto na terça-feira. Um dia antes, em entrevista ao jornal O Globo, ele havia comunicado a decisão de se afastar do colegiado artístico do Municipal, que reúne representantes dos corpos artísticos da casa, por não concordar com as escolhas artísticas e de gestão. Na mesma ocasião, ele manifestou a intenção, no entanto, de permanecer à frente da orquestra

A troca de maestros é mais um lance em uma série de polêmicas relacionadas ao Municipal carioca. Após a temporada da ópera Um baile de máscaras, de Verdi, em abril, desentendimentos a respeito do orçamento da produção levaram o secretário de Cultura Leandro Monteiro a questionar gastos e a anunciar a suspensão do repasse de verbas para o teatro, presidido por Fernando Bicudo.

Por conta disso, Cruz vai encontrar pela frente um cenário de indefinição, no qual outros espetáculos já foram cancelados e a temporada anunciada no início do ano não foi confirmada e depende da busca de novos patrocínios para o Municipal.