Pequeno dicionário Masculino-Feminino

Estadão

05 Junho 2007 | 14h17

Todo mundo sabe que homens e mulheres não falam a mesma língua. Não, não estou falando de um eventual diálogo entre o cara que nasceu na China e a garota que nasceu na Rússia. Isso seria uma coisa, digamos, óbvia. Estou falando de gente que deveria, na teoria, se entender, mas que não consegue se comunicar, por diversas razões. Para ajudar as mulheres em situações específicas, elaborei um pequeno dicionário de expressões masculinas. Recomenda-se recortar este texto e carregá-lo na bolsa, para consulta em situações de emergência.

Expressão: “O problema não é você, sou eu.”
É usada para: Pôr um ponto final no relacionamento.
Tradução: “O problema não sou eu, é você.”

Obs. Assumir a culpa, ao contrário do que pode parecer aqui, não é prova de coragem. Homens são covardes. Mentir que a culpa é nossa é só um ato de misericórdia antes de empurrar a mulher para um abismo emocional.

Expressão: “Eu quero… mas não sei se devo.”
É usada para: Justificar um recuo estratégico.
Tradução: “Eu não devo… mas também não quero.”


Obs. Culpar a moral e os bons costumes por algo que a gente não quer fazer é a maneira mais fácil de iludir uma mulher. E ela até sairá por aí elogiando o seu caráter.

Expressão: “Eu? Claro que não tenho namorada. Apenas uns rolos por aí.”
É usada para: Enganar uma mulher solteira.
Tradução: “Namoro há oito anos e meio, mas quero ficar com você hoje à noite.”

Obs. Trair a namorada é… traição. Por isso, homens só fazem isso se a relação custo-benefício for positiva.

Expressão: “Não se preocupe, prometo não contar para ninguém.”
É usada para: Convencer uma mulher minutos antes da primeira transa.
Tradução: “Não vejo a hora de contar que fiquei com você para meus amigos.”

Obs. Homens não entendem por que transar se não puder contar para ninguém.
Expressão: “Vou jogar futebol com os amigos.”
É usada para: Passar a noite falando mal das mulheres.
Tradução: “Vou jogar futebol com os amigos.”

Obs. É raro, mas às vezes os homens dizem exatamente o que pensam.