Próximo ao Largo da Batata, restaurante Fitó aposta na culinária nordestina
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Próximo ao Largo da Batata, restaurante Fitó aposta na culinária nordestina

Lucineia Nunes

24 Agosto 2017 | 15h10

Foto: Ludmilla Bernardi

Um sobrado com fachada branca e janelas azuis, perto do Largo da Batata, é o reduto do novo Fitó – apelido de Cafira Foz, chef e sócia do simpático restaurante. Cearense criada no Piauí, ela privilegia os sabores da cozinha nordestina, em um cardápio enxuto.

A principal inspiração vem dos pratos típicos piauienses. Mas a ideia é servir comida brasileira sem fronteiras, que chega à mesa com leveza na apresentação. Um exemplo é o pastel de bobó de camarão, servido na caneca, com massa sequinha e recheio cremoso (R$ 7).

Entre os petiscos, há ainda bolinhos de costela (R$ 12, 6 unid.). Da cozinha envidraçada, também saem saborosos pratos, como o ‘Paçoca’ (R$ 27), que traz carne de sol da casa com farinha de mandioca, cebola e manteiga de garrafa, servida com baião de dois, banana-da-terra e queijo coalho.

Outra opção é a ‘Peixada’ (R$ 45), peixe do dia no caldo com camarão, pimentão, leite de coco caseiro e dendê, acompanhado de arroz, farofa e abacaxi. O menu também sugere o prato do dia. Às quartas-feiras, por exemplo, tem costelinha de porco com legumes refogados (R$ 25).

Para arrematar, peça bolo de chocolate belga com calda de cupuaçu e nibs de cacau (R$ 16). A água filtrada é cortesia. Também há cajuína (R$ 10), drinques, cervejas artesanais e cachaça.

ONDE: R. Cardeal Arcoverde, 2.773, Pinheiros, 3032-0963.

QUANDO: 12h/15h e 18h/23h30 (sáb., 12h30/16h30 e 18h/23h30; 2ª, 12h/15h; fecha dom.).

QUANTO: Cc.: todos. Cd.: todos.