As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

'Mad Max: Estrada da Fúria' recomeça série estrelada por Mel Gibson

Redação Divirta-se

15 Maio 2015 | 07h00

Mad Max: Estrada da Fúria é um recomeço da série que tornou Mel Gibson famoso. Agora, Tom Hardy assume o papel do herói, atormentado pelas vidas que não salvou em um universo pós-apocalíptico, no qual água e combustível são itens preciosos.

Mesmo lidando com questões que poderiam dar profundidade à trama, o diretor George Miller, criador da série, prefere adaptá-la aos novos tempos privilegiando a ação quase ininterrupta à moda de ‘Velozes e Furiosos’.

Enquanto Max e a imperatriz Furiosa (Charlize Theron) fogem do vilão Immortan Joe (Hugh Keays-Byrne), o longa patina em busca de uma história que será o cerne da nova saga.


Tecnicamente perfeitas, as perseguições servem como muleta para prender a atenção do espectador. A atuação apagada de Hardy – usando os cacoetes de sua interpretação de Bane, vilão de ‘Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge’ – é outro ponto negativo.

Quem conduz o fiapo de enredo é a personagem de Charlize, roubando a cena com sua performance que equilibra força e alguma doçura em um cenário de desesperança. ‘Estrada da Fúria’ termina, obviamente, deixando uma brecha para a sequência. Que haja história para contar. Renato Vieira