Confira o roteiro de exposições
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Confira o roteiro de exposições

Celso Filho

28 Janeiro 2016 | 17h16

A seguir, as principais mostras entre os dias 29/1 e 4/2:

Inaugurações

+ A Chácara Lane volta a receber exposições com ‘Guerra do Tempo’, que reúne 12 séries de trabalhos da mineira Marilá Dardot. Com diferentes mídias, foram selecionadas criações feitas entre 2002 e 2016, como o vídeo ‘Hic et Nunct’ (foto). R. da Consolação, 1.024, Consolação, 3129-3574. 9h/17h (fecha 2ª). Inauguração: sáb. (30), 11h. Grátis. Até 17/4.

Marila Dardot

Foto: divulgação

Arte Atual 2016 – Da Banalidade vol. 1. A mostra é a primeira de quatro exposições do programa Arte Atual de 2016. Nela, Ana Elisa Egreja, Julia Kater e Cabelo apresentam obras que abordam as diferentes formas de banalidade na sociedade. Instituto Tomie Ohtake. Av. Brig. Faria Lima, 201, Pinheiros, 2245-1900. 11h/20h (fecha 2ª). Inauguração: 5ª (4). Grátis. Até 6/3.

+ Universo de Tim Burton ganha mostra no MIS

Grandes Mestres – Michelangelo, Leonardo e Rafael. A mostra inaugura o novo Espaço Cultural Porto Seguro. Com recursos multimídia, a exposição visita a obra dos grandes mestres italianos em reproduções, como uma réplica de ‘Davi’, de Michelangelo. Espaço Cultural Porto Seguro. Al. Barão de Piracicaba, 610, Campos Elísios, 3226-7360. 10h/19h (dom., 10h/17h; fecha 2ª). Inauguração: sáb. (30). Grátis. Até 3/4.

+ Desde o dia 19/1, o Convento Warzone, no prédio de um antigo convento na Granja Viana, recebe a residência Zona Autônoma Temporária, com 25 artistas – entre eles, Enivo e Vitor Zanini (foto). Nesta sexta-feira (29), eles apresentam os resultados em uma mostra. Haverá serviço de van a partir do metrô Butantã. Rod. Raposo Tavares, km 18,5, Granja Viana, Cotia. 6ª (29), 10h/21h. Grátis. Inf.: http://bit.ly/ZATexpo

Vitor Zanini

Foto: divulgação

Museu Afro Brasil. O museu inaugura duas mostras de fotografia. Em ‘Giracorpogira II’, Jaques Faing apresenta 38 imagens sobre o carnaval no Rio e em SP. Já Rodrigo Koraicho traz seus ensaios feitos em viagens ao Nepal e à Índia. Museu Afro Brasil. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 10, 3320-8900. 10h/17h (fecha 2ª). Inauguração: 3ª (2), 19h. R$ 6 (sáb., grátis). Até 3/4.

+ Futurista italiano Fortunato Depero é homenageado no MAC-USP

Paulo Fridman. O paulistano viajou pelo mundo para fotografar trabalhadores de diferentes nacionalidades. Em ‘Um Nome’, as 66 imagens registram profissões como cuidador de camelos e colhedor de açaí. Galeria Nikon. R. Aspicuelta, 153, V. Madalena, 2592-7922. 10h/19h (sáb., 11h/17h; fecha dom.). Inaugurações: hoje (29). Grátis. Até 5/3.

Última semana

Ana Prata. Em suas pinturas, a artista inclui materiais pouco convencionais, como linho cru, barbantes e tecidos estampados. Seus trabalhos mais recentes estão na mostra. Galeria Millan. R. Fradique Coutinho, 1.360, Pinheiros, 3031-6007. 10h/19h (sáb., 11h/18h; fecha dom. e 2ª). Grátis. Até sáb. (30).

Carne Vale. O carnaval é o mote da mostra. A festa popular é abordada desde o período colonial, por artistas como Carlos Julião e Maurice Rugendas e nomes da arte contemporânea. Galeria de Arte do Sesi. Av. Paulista, 1.313, metrô Trianon-Masp, 3146-7401. 10h/ 20h. Grátis. Até dom. (31).

Francisco Moreira da Costa. Por meio de placas de cobre com uma camada de prata, o artista cria suas fotografias, resgatando o processo daguerreótipo, do século 19. São essas as imagens de ‘A Placa Mágica’. Galeria Fass. R. Rodésia, 26, V. Madalena, 3037-7349. 11h/19h (fecha sáb., dom. e 2ª). Grátis. Até sáb. (30).

Piza – 1947/2015. Também com mostra na Estação Pinacoteca, Piza é homenageado na retrospectiva. Com curadoria de Ricardo Sardenberg, estão 40 criações, entre gravuras, pinturas, relevos, esculturas e desenhos. Galeria Raquel Arnaud. R. Fidalga, 125, V. Madalena, 3083-6322. 10h/19h (sáb., 12h/16h; fecha dom.). Grátis. Até sáb. (30).

Roberval Layus. A carreira e o processo criativo do cenógrafo e artista plástico são retomados em ‘Entre Artes’. São exibidas 85 esculturas, além de ferramentas e moldes que Layus utilizou para criá-las. Sesc Pompeia. R. Clélia, 93, 3871-7700. 10h/22h (sáb. e dom., 10h/16h; fecha 2ª). Grátis. Até dom. (31).

Uma Coleção Particular – Arte Contemporânea no Acervo da Pinacoteca. Em 60 obras, a Pinacoteca reúne suas aquisições e doações mais recentes. Com foco na arte contemporânea brasileira, estão expostas criações de 50 artistas – entre eles, Iberê Camargo e Paulo Monteiro. Pinacoteca. Pça. da Luz, 2, 3324-1000. 10h/18h (fecha 3ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até dom. (31).

Em cartaz

34º Panorama da Arte Brasileira. Na mostra, esculturas pré-históricas são expostas ao lado de obras contemporâneas. Com curadoria de Aracy Amaral e Paulo Miyada, a edição reúne trabalhos de seis nomes, como Cao Guimarães e Cildo Meireles. MAM. Pq. Ibirapuera. Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, portão 3, 5085-1300. 10h/ 17h30 (fecha 2ª). R$ 6 (dom., grátis). Até 10/2.

Amelia Toledo. Homenageada na 5ª edição do Prêmio Marcantonio Vilaça, a paulistana volta a merecer uma mostra. Nesta exposição, o foco é sua produção mais recente, com obras feitas a partir de 1993, entre pinturas, escultura e instalações. Galeria Marcelo Guarnieri. Al. Lorena, 1.966, Jd. Paulista, 3063-5410. 10h/19h (sáb., 10h/17h; fecha dom.). Grátis. Até 5/2.

AquiÁfrica. Sob a curadoria de Adelina von Fürstenberg, a mostra propõe uma panorama da arte contemporânea na África. Nela, estão reunidas criações de 13 artistas do continente, como o senegalês Omar Ba. Sesc Belenzinho. R. Pe. Adelino, 1.000, 2076-9700. 13h/21h (sáb. e dom., 11h/19h; fecha 2ª). Grátis. Até 28/2.

Giselle Galvão. Em uma viagem pela América do Sul, a fotógrafa produziu um ensaio com paisagens da Argentina, Chile, Peru e Bolívia. A série com 15 imagens, impressas em tecido sobre compensados de madeira, está em ‘On the Road’. Aldeia Espaço Coletivo. R. Lisboa, 445, Pinheiros, 99528-9911. 10h/18h (fecha dom.). Grátis. Até 12/2.

A Gravura de Arthur Luiz Piza. O paulistano também é homenageado na Galeria Raquel Arnaud. Na Estação, é exibida uma coleção de 137 gravuras – visitando suas experimentações desde que se mudou para a França, nos anos 1950. Estação Pinacoteca. Lgo. Gal. Osório, 66, Luz, 3335-4990. 10h/18h (fecha 3ª). R$ 6 (sáb., grátis). Até 12/2.

LabCidade. A proposta é reunir artistas que repensam o espaço urbano. Estão expostas criações de Regina Silveira, Daniel Melim, Tec, Lucas Bambozzi, Gisela Domschke e o coletivo Bijari. Choque Cultural. R. Medeiros de Albuquerque, 250, V. Madalena, 3061-4051. 11h/18h (fecha dom. e 2ª). Grátis. Até 29/2.

Mondrian e o Movimento De Stijl. A mostra apresenta tanto o trajeto de Piet Mondrian até o neoplasticismo quanto as influências do grupo da revista ‘De Stijl’ nas artes plásticas, na arquitetura e no design. Das 70 obras expostas, 30 são assinadas por Mondrian. CCBB. R. Álvares Penteado, 112, Centro, 3113- 3651. 9h/21h (fecha 3ª). Grátis. Até 4/4.

Museu Encantador. No projeto, Rita Natálio e Joana Levi coletaram objetos doados por artistas, a partir da pergunta: ‘O que você doaria a um museu do encantamento cultural entre Brasil e Portugal?’. Com eles, foi criada uma instalação, na qual elas executam performances, sempre aos sábados e domingos, às 17h. Caixa Cultural. Pça. da Sé, 111, Centro, 3321-4400. 9h/19h (fecha 2ª). Grátis. Até 28/2.

Sergio Camargo. Com o mármore, Camargo criava formas geométricas para explorar a sombra e a luz. Sua carreira é lembrada em mais de cem peças, incluindo fotografias e uma réplica de seu ateliê. Itaú Cultural. Av. Paulista, 149, metrô Brigadeiro, 2168-1776. 9h/20h (sáb. e dom., 11h/20h; fecha 2ª). Grátis. Até 9/2.

Waltercio Caldas. Em ‘Ateliê Transparente’, Caldas expõe 67 cadernos de anotações. Além deles, o artista também reuniu para a mostra objetos, maquetes, desenhos e projetos de esculturas. IAC. R. Dr. Álvaro Alvim, 90, 1º andar, V. Mariana, 3255-2009. 10h/18h (sáb., 10h/ 16h; fecha dom.). Grátis. Até 20/3.

Mais conteúdo sobre:

exposiçõesmarilá dardot