As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Centralizados

Redação Divirta-se

19 Janeiro 2012 | 23h50

projeto_GOMA.png
DE FACHADA | ‘Pichações’ de néon no CCBB fazem parte das intervenções

Arte pública tem algo de mágico – a magia de encontrar, no meio do caminho, entre pessoas atrasadas e buzinas nervosas, um lugar de respiro na cidade. Quando essas obras estão perto de um local como o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), melhor. Porque passear pelo Centro também pode ser mágico. Durante cinco noites, a partir de 4ª (25), obras criadas por artistas nacionais e internacionais vão se espalhar pela região, na mostra Urbe.

VEJA MAIS | Confira a programação paralela de oficinas sobre arte pública

“A proposta é intervir na cidade para criar um diálogo com as pessoas, fazer com que elas repensem sua relação com o espaço onde estão essas obras”, observa Alessandra Marder, curadora do projeto, ao lado de Felipe Brait e Júlia Clemente.


Entre os nomes internacionais, está o coletivo alemão Urban Screen, que se apresenta pela primeira vez no continente americano. Eles levam suas projeções à fachada da sede da Prefeitura (Viaduto do Chá, 15), em uma narrativa que inclui imagens cotidianas gravadas nos arredores do edifício.

Os brasileiros do ZoomB também vão projetar obras audiovisuais em fachadas de prédios. Mas, neste caso, a exibição será acionada pelos pedestres que caminharem pela Rua da Quitanda, por meio de sensores instalados na via.

Perto dali, o coletivo argentino Doma ocupa o Vale do Anhangabaú com uma instalação – uma espécie de ‘nave’ com 5m de altura. Dentro dela, o público pode observar a paisagem local por janelas com diferentes ‘filtros’ – e ter uma visão ‘caleidoscópica’ do entorno.

Uma ‘cachoeira’ de fios luminescentes, criada por Felipe Sztutman, descerá pelo Viaduto do Chá recriando o trajeto do Córrego das Almas, que passava antigamente pela região.

E o belo edifício do CCBB também vai receber uma intervenção, do grupo Goma Oficina – sua fachada será coberta por formas tipográficas, feitas de néon vermelho, que remetem às pichações urbanas.

ONDE: Arredores do CCBB (R. Álvares Penteado, 112, Centro, 3113-3651). QUANDO: de 4ª (25) a dom. (29), 19h30/22h. QUANTO: Grátis.

 

Mais conteúdo sobre:

arte públicaCCBBcentro