Verde

Sonia Racy

08 Outubro 2016 | 00h25

Thobias Furtado, da organização Parque Ibirapuera Conservação, vê com bons olhos o aceno de Doria à iniciativa privada para investir no parque. Mas desde que essa aproximação seja feita sem fins lucrativos.

“O melhor caminho é uma parceria com uma Oscip”, diz. Exemplo? O Central Park, de NY.

Verde 2

Aprova cobrar entrada para entrar no parque? “Nenhum prefeito cometeria esse suicídio político. Pagar para entrar em parque urbano não faz sentido”, diz Furtado admitindo, entretanto, que é necessário buscar receita para manutenção.


Apelo ao novo prefeito? “Parar a rotatividade da Secretária do Verde. Nos últimos quatro anos passaram por lá quatro secretários e …sete diretores do parque.”