PT toma providências para ‘garantir vistoria’ em prisão e Lula

Sonia Racy

13 Abril 2018 | 00h50

LULA. FOTO: DOUGLAS MAGNO/AFP

LULA. FOTO: DOUGLAS MAGNO/AFP

Depois que governadores não conseguiram visitar Lula, o PT toma providências para que senadores não sejam barrados.

A Comissão de Direitos Humanos do Senado vai mandar ofício à juíza Carolina Lebbos, para informá-la da vistoria na prisão.

Leia mais nota na coluna:

STF julgar 9.000 habeas corpus em um ano é ’embaraçoso’, diz Barroso

David Uip sai da Secretaria de Saúde e entra Marco Antonio Zago