PSB quer punir quatro por terem apoiado reforma trabalhista

PSB quer punir quatro por terem apoiado reforma trabalhista

Sonia Racy

14 Outubro 2017 | 00h58

 

FERNANDO COELHO FILHO

FERNANDO COELHO FILHO. FOTO: DIVULGAÇÃO

O PSB tem reunião quente nesta segunda. Seu diretório nacional vai decidir qual punição aplicar a quatro deputados – entre eles o atual ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho.

Ele e os colegas Danilo Forte, Fábio Garcia e Teresa Cristina ignoraram a direção e votaram a favor da reforma trabalhista.

Leia mais notas da coluna:

Fux corre para baixar resoluções sobre fundo eleitoral

Guido Mantega terá de prestar depoimento em inquérito