0

Sonia Racy

17 Março 2016 | 01h27

A volta de Lula ao governo federal na condição de ministro da Casa Civil vai contra o desejo da sociedade, que se manifestou, no domingo, de forma clara: “Não queremos mais este governo, não queremos mais este partido e não queremos mais corrupção”.

Foi assim que Pedro Passos, da Natura e do IEDI, resumiu a perplexidade geral dos agentes econômicos, mesmo antes de se tornarem públicos os áudios da conversa entre Lula e Dilma – que provocaram protestos e reações em diversas capitais no início da noite.

“É um desrespeito ao desejo da sociedade”, resumiu. No ver de Passos, usar a liderança de Lula para composições políticas no Congresso é insistir em erro. “É coisa de país sem projeto”.

Contrafluxo 2

Espera mudanças na economia? “Se editarem novamente medidas de curto prazo para estimular a economia sem a justa contrapartida de um ajuste estrutural consistente, vamos afundar de vez”.

Esta coluna teve outras conversas com integrantes da iniciativa privada. Que, apesar terem a mesma linha de pensamento de Passos, preferiram o anonimato.

Comentários