Martelo

Sonia Racy

30 Setembro 2014 | 01h02

Gente de peso do mercado das artes está incomodada com informação que circula: o Masp poderia vender obras para conseguir quitar suas dívidas.

“Confundiram tudo. O que estamos pensando em implantar aqui, a médio e longo prazos, é o que museus como o MoMA, de Nova York, fazem”, explica Heitor Martins, dirigente da instituição paulistana.

Martelo 2

E o que faz o MoMA? Quando encontra obras redundantes em seu acervo, o museu vende uma delas para comprar outra, que contribua mais.

“Trata-se de uma boa prática, mas precisa ser discutida com os conselheiros antes de se concretizar”, avisa Martins.

Martelo 3

Detalhe: para que uma obra possa ser vendida pelo Masp, dois terços do conselho do museu precisam estar de acordo.