Luisa Mell: ‘Não devolvo esses cães, nem presa’

Luisa Mell: ‘Não devolvo esses cães, nem presa’

Sonia Racy

04 Outubro 2017 | 08h14

Foto: Reprodução Instagram

Mesmo sem a posse dos animais Luisa Mell avisa: “Não devolvo esses cães, nem presa”. A ativista resgatou 135 cachorros que sofriam maus-tratos em um canil clandestino de Osasco, sexta-feira. “O lugar estava todo sujo, cheio de coco. Me chamou a atenção um armário cheio de roupas de grife para vestir os animais na hora da venda. Um absurdo”, atesta.

Ela defende que está na hora da cidade conhecer a real situação desses canis e feiras de adoção clandestinos. “Eles sequer têm registro no centro de zoonoses”.

Luisa recebeu em dois dias 800 e-mails denunciando outros canis. E também de pessoas querendo adotar os animais resgatados. “ Estou esperando a liminar que pedi na Justiça, sem ela nada posso fazer”, explica. “Só me resta cuidar, castrar e vacinar”. Com os cães resgatados a apresentadora toma conta de 400 animais em seu instituto. “Preciso resolver a situação para achar um lar de amor para eles”.

O ator Lucas Luco, entro outros famosos, se mobilizou com o caso ​. Ele entrou em contato com Luisa​ e, juntos, os dois criaram uma camiseta que será ‘vestida’ e ‘postada’ por outras personalidades nas redes sociais.

​A receita das vendas será revertida para o Instituto Luisa Mell./SOFIA PATSCH

Leia mais notas da coluna:

Qual a opinião de Andre Sturm, secretário de Doria, sobre MAM?

Em livro, Ricupero conta como diplomacia ajudou a construir o Brasil