1. Usuário
Direto da Fonte
Assine o Estadão
assine
Direto da Fonte

Direto da Fonte

Sonia Racy

Jovem que depredou Prefeitura em protesto de 2013 vai a julgamento na quinta-feira

Por Sonia Racy

29/01/2016, 11h30

   
Daniel Teixeira/Estadão

Daniel Teixeira/Estadão

Dois anos e meio depois das manifestações de julho de 2013, a Justiça de São Paulo vai julgar um dos jovens acusados de depredar a porta principal da Prefeitura de SP.

Na ação – marcada para a próxima quinta-feira, dia 4 –, um dos pedidos da administração municipal é que Pierre Ramon Alves de Oliveira pague os danos causados pelo vandalismo na entrada do Palácio do Anhangabaú, sede da Prefeitura.

À época, Pierre chegou a pedir desculpas ao Movimento Passe Livre e disse que arcaria com os prejuízos, mas o governo municipal também processa o jovem por por danos sociais – uma espécie de dano moral à instituição. A soma da indenização é de R$ 200 mil.

Procurada, a defesa do jovem não foi localizada.

 

 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.