Janeiro quente

Sonia Racy

02 Janeiro 2016 | 01h02

Aproveitando o adiamento da votação dos zonas estritamente residenciais para fevereiro, o diretor da Ame Jardins, João Maradei, está agendando encontros com vereadores para já. 

Quer o apoio de alguns deles que, a seu ver, “ainda não estão informados sobre o tema”.