1. Usuário
Direto da Fonte
Assine o Estadão
assine
Direto da Fonte

Direto da Fonte

Sonia Racy

Home sweet

Por Sonia Racy

15/03/2016, 00h29

   

Corria ontem em Brasília que Mônica Moura, mulher de João Santana, teria sido a escolhida para fazer a delação premiada do casal, já que é ela quem toma conta das finanças das empresas. E que, portanto, pretendia devolver apartamento que tem em SP por ele ter sido pago com recursos de conta na Suíça.

Indagado a respeito, seu advogado criminalista, Fabio Tofic, desanima. “É impressionante a imaginação das pessoas”, afirma.

Consta também que o depoimento de Mônica poderia incluir a confirmação de que eles aceitaram pagamento via caixa 2. Tofic nega.

 

 

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.