Grana verde

Sonia Racy

23 Outubro 2012 | 01h02

Não só o fantasma do rebaixamento ronda o Palmeiras. A crescente dívida fiscal também vem apertando o sapato de Arnaldo Tirone, que tenta novo mandato à frente do clube. São mais de R$ 8 milhões, que precisam ser pagos à Prefeitura.

Às vésperas das eleições, o clube corre risco de penhora.