Festivais de cinema se manifestam contra Trump

Sonia Racy

02 Fevereiro 2017 | 11h30

O Festival de Cinema de Sundance – que terminou no domingo – publicou em sua página oficial um manifesto contra o decreto de Donald Trump que impede refugiados e imigrantes de entrar nos EUA. Na carta os organizadores afirmam que “as liberdades de expressão e de movimento estão intrinsecamente ligadas” e que “banir muçulmanos não é uma política americana e sim uma violação de direitos humanos”.

Manifestações anti-Trump são também esperadas no Festival de Cinema de Berlim, que começa no dia 19. Artistas como a americana Maggie Gyllenhaal e o mexicano Diego Luna – que integram o júri internacional da Berlinale – têm participado ativamente de atos contra o presidente americano.