Festa letrada

Festa letrada

Sonia Racy

15 Março 2015 | 01h20

Foto: Denise Andrade/Estadão

Há dois anos responsável pela curadoria da Feira Literária de Paraty, a Flip, Paulo Werneck está em pleno aquecimento para a edição deste ano – que acontece entre 1º e 5 de julho. O moço explica que a composição das mesas depende de muitas variáveis e não reflete as estratégias comerciais das editoras: “Convidamos desde best-sellers até escritores underground. Todos são bem-vindos”, diz, acrescentando que um dos pontos altos da Flip é apresentar novos escritores. Werneck lembra, ainda, que a festa não deixa apenas um legado de formação intelectual, mas é “um espaço afetivo que fica na memória”. Para este ano, em que o homenageado será Mario de Andrade, o curador adianta: “Queremos fugir dos clichês e lugares-comuns”.