Fazenda de SP fecha cerco em torno de operadoras do etanol

Sonia Racy

31 Agosto 2017 | 17h13

Depois da Operação Rosa dos Ventos, da PF, que revelou amplo esquema de sonegação na área dos combustíveis, a Fazenda paulista fecha o cerco, no Estado, em torno de operadoras ligadas ao etanol. Uma delas, que deve ao fisco cerca de R$ 86 milhões, sofreu duas derrotas seguidas no Tribunal de Impostos e Taxas. Que lhe custarão cerca de R$ 15 milhões.

Ao que se apurou, isso é apenas a ponta do iceberg. Uma lista dos 20 maiores sonegadores do setor, no Estado mostra que, juntos, eles devem perto de… R$ 16 bilhões.